terça-feira, 10 de agosto de 2010

Filosofias de Nonno

Eis uma das pessoas que mais me faz rir nesse mundo velho sem porteira. Verdade que normalmente esse não é o objetivo dele, mas o homem é uma comédia personificada! E parceria para as melhores fotos (basta olhar para a que ilustra este post.)

Nascido em 1935 em San Giovanni à Piro, na Itália, ele tem um sotaque italiano muito, mas muito puxado.

Depois de muitas e muitas filosofias sobre a arte de ser gringo e as coisas que acontecem com minha família maluquete, foi inevitável pensar: como posso ter um blog chamado “Diário de uma Gringa Avantajada” sem um post sobre ele, o responsável pelos genes que batizam meu blog?

Por isso, seguem algumas das pérolas do Nonno:

- O nome é Umberto. Assim mesmo com “U”, nada de “H”. “Bem coza de braziliano inventar letra que non tem som. Umberto non é cagá (com H)”

- Eta língua enrolada que tem esse gringo. Entende ele quem está acostumado. “Ao invés” torna-se “imesi”. “Imesi o cara ir lá e fazer as coisas direito, fica enrolando, non?”

- O gringo, mesmo com 75 anos, é muito, muito forte. Esses tempos ele embestou que ia derrubar uma árvore que estava doente. Enquanto eu e meu cunhado olhávamos embasbacados, ele derrubava a tal da árvore a golpes de facão! Quando terminou, passou a mão na testa, ofegou, olhou para nós e disse: “non sou mais o mesmo, non?”. Caraaaaaaca, imagina o que fazia antes!

- O homem não tá nem aí para alimentação que preste. Verdade que ele come muita fruta e verdura, mas ele também manda de manhã cedo 5 cacetinhos com ovo e pimentão frito. Isso quando ele não esquenta a janta da noite anterior para acompanhar. Uma vez em meio a um churrasco, quando ele tasquiava um pedaço de carne gorda, minha mãe gritou “paaaai, olha a carne gorda”. Ele respondeu: “Io to com setenta e cinco ani, tu acha que essa altura de la vita io vô me preocupar com infarto????”

- É um homem de fé! Sempre que se assusta ou se indigna, chama por Jesus, o Menino de Deus. Mas, como eu disse, a língua é enrolada e a única coisa que sai é “Meninideuzi”.

-É um atleta! Acorda as 4 horas da manhã todos os dias para andar de bicicleta ou dar uma caminhada. E, depois disso, normalmente nos domingos, aparece às 7hs lá na casa da minha mãe, xingando “o bando de dorminhoco nazionale que só sabe dormi”.

- Pessoas que demonstram interesse em executar um bom trabalhos são chamadas de “interesseiros”, e não de “interessados”: “Aquele rapazi trabalha bem pra caramba, non, é muito interesseiro”.

- “Mussolini era gente boa, non? Dava comida e caderno pra gente...” Sem comentários. Aliás, pesquisas recentes do Instituto Nonno Umberto afirmam com os pés juntinhos que Hitler (ou Hitlero, nas palavras dele) está refugiado há mais de 60 anos no Chile. O nonno tinha seis anos quando os nazistas invadiram a cidade dele, as histórias que ele conta são para ficar horas e horas embasbacado escutando. Mas experimenta largar uma daquelas frases que alguns adoram, do tipo “tinha que dar uma guerra mundial de novo”. Perde o amigo no ato! “Tutto bando de maluco, non saben o que é gúera”.

- Ele não fica pra trás em hipótese alguma. A princípio, você está sempre errado. Mas, caso você consiga um argumento muito bom para convencer o velho, ele sempre fecha a sua frase com “ah claro”. Como quem diz “ah, mas isso eu já sabia”.

- Se houver realmente um cataclisma em 2012, não se preocupe que temos vinho garantido na casa do Nonno. “E toma ligero an, porque vino que non é tomado vira inhagre (vinagre)”

-A sobremesa dele é um pote de salada. Cada um dos membros da família recebe todos os dias 5 pés de alface que ele mesmo planta. Ou como ele mesmo diz: “tu já pegou tua ensalada hoje”?

-Gosta de cantar. Às vezes quando estou na casa da minha mãe, só escuto aqueles murmúrios: annaaannn...orileiii...umumum...toroooo...dá pra ver que é uma música, mas é indecifrável.
-Adora tudo que tenha a ver com a Itália. Uma vez minha irmã presenteou ele com uma camiseta com a bandeira da Itália. Coisa mais linda de ver, aquela baita bandeira no meio da pança do véio. “Nunca mais vou tirar questa camisa”... Chegou bem perto! Usou por tanto tempo que antes da primeira lavagem teve que ser jogada fora por que nem "Vanish" tirava o encardido.

-Não gosta de doce (queria ter puxado essa). A única coisa que come é pudim, ou, nas palavras dele, “bugino”.

- Quer me convencer que eu não preciso emagrecer. “Coloca uma coza en tua cabeça non? Tu é alta e forte como tuas prima da Itália, non pode emagrecer se non fica doente”.

Esse é o nonno e suas filosofias...

Bella Polenta cosi...tcha tcha pum, tcha tcha pum!

4 comentários:

...Noêmia! disse...

Lindo!!!!
Um bacio para o seu avô!
:o)

»¤Þ䵣䤫 disse...

kkkk... Seu avô é uma comédia, que delicia ter um nono assim! Que fala que vc não precisa emagrecer, tenho vários tios que falam isso também, hahauhauah... Estão todos precisando usar óculos! Adorei conhecer uma pouco sobre ele maninha! Bjokas

TARJA PRETA disse...

Gringa!! Tô de volta, obrigada pelo teu último comentário, adorei! Ah! no cataclisma de 2012 guarda um lugar pra mim na tua casa...adoro vinho! rsssss
E adorei teu post, sempre me divirto horrores por aqui!
Beijos e nos comunicamos.

Lu CY disse...

Que delícia de nono você tem! Aproveita bem essa figura! não conheci os meus, que faleceram quando eu era bebê e faz uma faaaalta alguém assim na família!
Beijos! Ah, tem selinho pra você no meu blog... caso goste de selos, tem gente que não curte!
Beijo

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails