terça-feira, 1 de junho de 2010

Coco...a dança que balança é o coco...


Como toda a boa mulher de dieta que se preze, várias vezes na vida aderi a algum ingrediente maluco para dar aquele empurrãozinho. E como todo ingrediente maluco para dar aquele empurrãozinho na dieta que se preze, normalmente o negócio era ruim. Ruim, mas tão ruim, que se eu comesse aquilo e em seguida chupasse um limão, das duas uma: ou eu ia adorar o gostinho do limão na boca, ou o limão que ia se torcer todo fazendo cara de nojo.
A lista? In-fin-dá-vel! Chá de alcachofra (blé), água de berinjela (bléé), ameixa seca deixada de um dia para o outro de molho e batida com água e tudo no liquidificador (essa sim, bléééééééé)...enfim, uma gama gigantesca de chás, papinhas e compostos miraculosos.
Mas eis que, mais uma vez, resolvi aderir a um novo ingrediente. E agora, com a graça de Nossa Senhora do Caravaggio e mais meia dúzia de santos que eu nem lembro o nome, o negócio é muito, mas muito mais agradável. A água de coco!
Há algumas semanas atrás, folheando uma daquelas revistas que trazem na capa reportagens do tipo “eu era desse tamanhão e agora fiquei desse tamanhinho”, me chamou a atenção uma reportagem com uma menina que havia perdido 19kg tomando água de coco.
Água de coco? É. Claro que combinado com uma bela de uma reeducação alimentar e exercício (hahaha, pensou que tinha encontrado a fórmula mágica? Claro que não, “isso non ecsiste”!).
Mas enfim, acredito que não seja novidade para ninguém que a água de coco é considerado o alimento mais saudável que exista. Segundo a minha irmã, em uma reportagem que ela viu na televisão, o alimento bate até a água mineral (tcharan)! Mas o que eu li na revista e que me chamou a atenção, foi que tanto a água de coco quanto o óleo extraído da fruta auxiliam no emagrecimento. Como?
Explicarei (degustem desse meu momento nerd, porque nem sempre ele aparece por aqui):
Acontece que, segundo a revista, elas possuem gorduras com cadeias moleculares menores do que a das gorduras vegetais e animais convencionais. Quando essa gordura chega ao organismo, ela é absorvida imediatamente. Por isso, não se acumula nos vasos sanguíneos e nem causa sobrepeso. Uma vez absorvida, a gordura se transforma em energia. O processo, conhecido por termogênese, eleva a temperatura corporal e queima calorias (20% a mais do que as outras fontes de gordura). Além disso, o consumo da gordura estimula o funcionamento da tireóide, acelerando o metabolismo e queimando mais calorias. E mais, regulariza os níveis de açúcar no sangue, dando sensação de saciedade, que permite esquecer os doces.
E agora, saindo do momento culto e voltando para a bobajada:
Vamos combinar que não precisou mais do que isso para que eu saísse correndo para o supermercado. Comprei logo um fardo, com água de coco de caixinha (isso aqui é cidade, ora bolas). Tinha que ver o que era eu no atacado com uma caixa de água de coco nos braços, feliz da vida. O marido dava risada, dizendo pelos corredores “vai fazer a dieta do coco, então”? Claro que a frase chamou a atenção de algumas mulheres na volta, que ficaram olhando com olhos arregalados pra minha caixinha, era visível que estavam loucas para perguntar como funcionava a “dieta do coco” . Mulheres...
Bom, já faz uma semana que estou tomando duas caixinhas por dia, substituindo o lanche da manhã e o da tarde. Claro que não é a mesma coisa que aquele coco fresquinho vendido na praia, afinal de contas, é água de caixinha, mas, segundo li na embalagem, o produto não tem açúcar e possui pouquíssimos aditivos, então, tá valendo. Eu que não vou plantar coqueiro na minha casa.
Também não são os 6 copos diários que eu deveria estar tomando “para perder 5kg por mês”, como diria a revista, mas como o fardinho com 3 caixinhas está no atacado R$ 4,00, também não posso abusar né? Além disso, já disse Tom Hanks, no filme Náufrago, em uma “conversa” com o Wilson: “descobri que água de coco é um laxante natural”. Então, devagar com o andor que o santo é de barro! Quer dizer, não exatamente o santo...o que quis dizer é que...ah, vocês me entenderam!
O fato é que eu desinchei muito, mas muito mesmo! Parece até que fizeram uma faxina dentro do meu corpo, água sanitária na veia. Estou mais bem disposta, a pele está mais brilhante, o cabelo está mais forte e (sim), perdi 1kg em uma semana, aliado a sopinha na hora da janta. E isso com apenas 1 semana!!!!!
Além disso, o maior dos meus problemas se “terminou-se”: a-c-a-b-o-u aquela tara desgraçada por açúcar. Não é 100%, claro, mas eu andava em uma fase que eu era capaz de ter um piripaque se eu não comesse açúcar, era óbvio que alguma coisa andava errada. E a água de coco, na hora do lanche, por ser docinha, deu uma segurada legal.
E tu, Madonna? Tá esperando o que????

4 comentários:

Carmine disse...

Oi Dani querida!!!Obrigada pelo comentário!!!Eu sempre venho aqui e leio tudinho,dou risada sozinha na frente do pc,pois muitas vezes me identifico com teus posts,afinal,quem nunca fez essas dietas loucas que atire o 1º coco,né?kkkkk
Nesse post lembrei do estoque de água de coco que fiz antes de operar...tomei tanta água de coco depois da redução que nunca mais coloquei coco na boca,enjoei!kkkk
Um ótimo findi pra vc...
Bjs

Michelle Santos disse...

Lindona, tem promoção no blog! Participe e divulgue! beijocas,
Michelle

Márcinha Mendonça disse...

Oi amada ache seu blog de mto bom gosto, amei tudo por aqui mta criatividade, e os textos mtos legais, desde ja lhe ofereço meu Award, Beijos e depois passa no meu cantinho

Márcinha Mendonça disse...

oi amada estou seguindo teu blog, amei mto interessante, e mto criativo, parabens, estou seguindo teu blog, e te ofereço meu Award desde ja, tdo por aqui é lindo, Bjus flor

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails